Saltar para o conteúdo
    Continue a navegar para aceder aos resultados sugeridos
    Dicas dos gestores de propriedades sobre como hospedar no momento

    Dicas dos gestores de propriedades sobre como hospedar no momento

    Numa série de sessões de feedback, anfitriões experientes partilharam as suas melhores estratégias.
    Por Airbnb em 24 de abr de 2020
    Leitura de 4 minutos
    Atualizado em 30 de abr de 2020

    Destaques

    • Os gestores de propriedades partilharam o que está a resultar melhor para eles neste momento

      • Considere atualizar o título e a descrição do seu anúncio para destacar comodidades, estadias prolongadas e muito mais

      • Partilhar protocolos de higienização avançados também pode ajudar muito a fazer com que os hóspedes se sintam à vontade

      Nas últimas semanas, temos trabalhado arduamente para apoiar anfitriões afetados pelo COVID-19 ao partilhar políticas atualizadas, explicar novos programas e ferramentas e destacar tendências de viagem que estamos a notar na Airbnb. Mas pensámos que seria útil oferecer informações dos próprios anfitriões sobre como conseguiram continuar a receber hóspedes neste período tão difícil.

      Este mês, realizámos sessões de feedback com alguns dos nossos gestores de propriedades para entender melhor o impacto do COVID-19 nos seus negócios de hospedagem. Partilharam dicas valiosas sobre como continuam a hospedar neste momento. Continue a ler para descobrir como alguns gestores de propriedades estão a lidar com a quebra dos seus negócios e o que estão a fazer para continuar a hospedar.

      Prolongue o seu período de reserva habitual. "Prolongámos a nossa temporada", diz um anfitrião. "Normalmente encerramos logo após o Dia do Trabalhador, mas prolonguei até 15 de outubro." Se for possível continuar a hospedar mais tempo do que o habitual, poderá atrair hóspedes que estejam interessados em datas fora da sua temporada normal.

      Incentive os hóspedes a reservar novamente para datas futuras e considere dias extra ou outros descontos. "Tentei incentivar as pessoas para futuras reservas em vez de cancelar", diz um anfitrião. "Outro incentivo foi oferecer-lhes uma semana gratuita na minha época baixa, quando não estamos tão ocupados, e eles adoraram essa ideia. Só teriam de pagar uma taxa de limpeza."

      Atualize o título e a descrição do seu anúncio para destacar que está disponível para hospedar estadias prolongadas. Uma vez que muitas pessoas têm de lidar com encerramentos de escolas e trabalho remoto, aqueles que decidem reservar uma estadia podem preferir anúncios adequados para trabalho e próprios para famílias. "Alterei os títulos dos nossos anúncios; temos muitas propriedades que têm jardins privados e, assim, podemos atrair donos de animais de estimação e pessoas com crianças que só querem ter o seu próprio espaço", diz um anfitrião.

      "Uma das primeiras coisas que fiz foi mudar o título do anúncio para: 'Refúgio privado com um pátio cercado', e isso pareceu ajudar muito", continua ela. "Se tiver alguma comodidade que considere valiosa para alguém que vai trabalhar em casa, certifique-se de que a coloca no seu título." Outro gestor de propriedades concorda: "Neste momento, a maioria das nossas reservas são para estadias prolongadas."

      Partilhe o seu regime de limpeza avançado. Se estiver a seguir passos adicionais para limpar e desinfetar o seu espaço, mencione-o na descrição do seu anúncio. "Estamos a fazer tudo o que podemos para anunciar apartamentos limpos e higienizados", diz um gestor de propriedades. "Diga aos potenciais viajantes que os seus apartamentos ou o seu alojamento estão limpos e higienizados o máximo possível, para que se sintam confortáveis em ficar consigo."

      Atenda pessoas que não podem viver com as suas famílias agora. "Estamos a permitir que as pessoas locais se distanciem socialmente da família e reservem connosco, e isso tem funcionado para nós", diz um anfitrião. Quer isto signifique dar as boas-vindas aos respondentes ao COVID-19 através do nosso programa Alojamentos de Linha da Frente ou oferecer alojamento a pessoas que vivem temporariamente separadas de familiares idosos, existem opções para ajudar outras pessoas durante este período.

      Repense o seu plano de marketing e ajuste as suas tarifas. Uma gestora de propriedades diz que está a sobreviver ao reduzir estrategicamente as suas tarifas. "Reformulámos a nossa estratégia de marketing", diz ela. "Basicamente, tentamos ser mais complacentes ao aceitar todos ao preço de custo ou abaixo do preço de custo. Estamos a trabalhar com 80% de ocupação a preço de custo, e estou grata por isso."

      Outra anfitriã concorda: "Ajuste as suas tarifas", diz ela. "Há pessoas que ainda têm problemas de canalização; há pessoas que estão a tentar trabalhar a partir de casa e têm crianças em escola a partir de casa e não têm espaço suficiente, por isso consegui preencher algumas das minhas propriedades, mas a taxas drasticamente reduzidas, porque conhecem o mercado."

      Comunique com os seus hóspedes. Agora é um excelente momento para incentivar uma comunicação aberta com os seus hóspedes para ver como podem trabalhar juntos. "Estamos a trabalhar com os hóspedes caso a caso sobre reembolsos", diz um anfitrião. Ao interagir com os hóspedes na Airbnb, há uma melhor hipótese de, quando chegar a altura de viajar novamente, eles se lembrarem de si e voltarem a reservar.

      Faça algumas melhorias em casa. "Incentivei os meus proprietários e a mim próprio a fazer essas reformas: substituir os pisos, fazer as coisas que são precisas quando se bloqueia o calendário", diz um gestor de propriedades. Desde retocar a pintura à criação de uma área exterior acolhedora, está na altura de finalmente tratar desses projetos para melhorar o seu espaço.

      Mantenha o ânimo e lembre-se de que as pessoas ainda precisam de alojamentos temporários. "Estou a hospedar um piloto que queria ficar num arrendamento de férias durante 14 dias antes de ir para casa, caso estivesse doente", diz um anfitrião. "Eu tenho alguém que está a separar-se do seu companheiro, e precisava de um lugar para viver. Há todo o tipo de razões pelas quais alguém pode precisar de alojamento mobilado temporário neste momento."

      Em caso de dúvida, considere rever a sua política de cancelamento. Oferecer cancelamentos flexíveis pode dar aos hóspedes mais confiança para reservar o seu espaço. Saiba mais

      Destaques

      • Os gestores de propriedades partilharam o que está a resultar melhor para eles neste momento

        • Considere atualizar o título e a descrição do seu anúncio para destacar comodidades, estadias prolongadas e muito mais

        • Partilhar protocolos de higienização avançados também pode ajudar muito a fazer com que os hóspedes se sintam à vontade

        Airbnb
        24 de abr de 2020
        Esta informação foi útil?